Translate

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

“Santa Leitura” recebe convidados especiais neste domingo e lança concurso de redação

O evento agita a Praça de Santa Tereza e contagia todos que passam por lá No próximo domingo, dia 21 de agosto, o projeto “Santa Leitura”, segue levando cultura, entretenimento e alegria para a praça Duque de Caxias, em Santa Tereza (Praça de Santa Tereza), a partir das 10h, agora no terceiro domingo do mês.

Neste domingo o projeto “Santa Leitura”, que recebeu recentemente o prêmio “Por um Brasil de Leitores”, do Instituto Imersão Latina, receberá as ilustres presenças da escritora e contadora de histórias, Helenice Matias e do cantor Guilherme Mendes, participante do The Voice Kids Brasil. Também neste domingo será lançado o concurso “Vamos falar do Santa Leitura”, onde os frequentadores poderão participar enviando um texto com sua visão sobre o projeto. Três textos serão selecionados e premiados posteriormente. O prazo para entrega dos textos é até dia 18 de novembro de 2016 e o resultado final e premiação serão no dia 18 de dezembro de 2016.


CONCURSO:  VAMOS FALAR DO SANTA LEITURA!

Que tal ganhar um prêmio pela melhor redação sobre o projeto Santa Leitura? 

1º LUGAR: R$ 200,00 + 1 kit de livros Nós da Poesia
2º LUGAR: R$ 100,00 + 1 kit de livros Nós da Poesia
3º LUGAR: R$ 50,00 +   1 kit de livros Nós da Poesia

REGULAMENTO:

1) Conhecer o projeto de perto;
2) Já ter visitado o projeto pelo menos uma vez;
3) Redigir um texto que trate sobre o projeto e enviar para o e-mail:
4) Escrever se gosta do projeto, se ele deve continuar a ser realizado na praça Duque de Caxias, se os livros são bons; o que deve ser mudado e dê uma nota de 1 a 10 para o projeto.


Sobre o projeto 

O Santa Leitura já se tornou parte de Santa Tereza e ponto de encontro para os amantes das letras, da cultura e das artes em geral, expõe obras variadas em prateleiras, bancos e em uma passarela de 15 metros. “É um espaço do saber gratuito, aberto ao público. As pessoas passam, olham, sentam-se e lêem”, comenta Estella. No começo o projeto contava apenas com 50 exemplares, hoje, caminhando para seu sétimo ano de realização, já são mais de 7 mil livros. “A nossa biblioteca a céu aberto é um mundo de sonhos e magia para as crianças de 0 a 100 anos, ou seja para toda a família. É um projeto de amor e democracia com milhares de livros espalhados em meio a natureza esperando por todos”, diz Estella.

O projeto “Santa Leitura” nasceu em 2010, no fundo de uma loja de moda feminina, no bairro Ipiranga, que Estella possuía. “A biblioteca com o nome “Cantinho do Livro” tinha o intuito de prestar um serviço a mais para o cliente e para que eu pudesse ler nas horas vagas”, conta a artista plástica e idealizadora do projeto.

No início, fazia parte do acervo apenas os livros que ela tinha e cerca de outros cinquenta adquiridos. A biblioteca tomou um rumo repentino e passou a emprestar livros para toda a comunidade dos bairros Palmares, União, Cachoeirinha e Floresta. Com o passar do tempo novas aquisições eram feitas e muitas doações de livros também. “Com isso muitas pessoas, inclusive crianças, passavam na loja todos os dias e ficavam a tarde toda lendo. Meados de 2012, a convite de uma freira, Estella foi para a Comunidade Sagrada Família no bairro Taquaril, onde as pessoas mais carentes passaram a ter acesso à literatura. No primeiro domingo de abril de 2013 o projeto “Santa Leitura” na Praça Duque de Caxias, em Santa Tereza teve início. “Comecei bem tímida, mas já sabendo da aceitação do projeto aluguei um cômodo próximo à Praça para guardar todo o material. Em junho, o terceiro evento já era um sucesso absoluto e a praça estava repleta de pessoas”, destaca. Hoje, em dias de “Santa Leitura”, a praça é motivo de orgulho para a comunidade, pois muitas famílias passam as manhãs de domingo com suas crianças contando histórias e incentivando a leitura. E é assim que o “Santa Leitura” cresce cada dia mais.

Apoio

O projeto recebe o apoio do pároco da Igreja Santa Teresa e Santa Teresinha, Márcio Ribeiro de Souza, tal parceria é importante e essencial para a continuidade do “Santa Leitura” na praça Duque de Caxias. Neste domingo haverá um parabéns com um bolo feito pela equipe do projeto para o padre Márcio Ribeiro de Souza, parceiro do Santa Leitura. Expansão O projeto Santa Leitura possui um espaço permanente em Myrtle Beach, Carolina do Sul, Estados Unidos. Quem passa por lá pode conferir o espaço que fica na 509 Broadway Street. O Santa Leitura estará com o evento especial dia 28 de agosto e 11 de setembro, em Myrtle Beach.  O projeto acontece também na Praça Salvador Morici, na rua Silva Jardim, no bairro Floresta, no segundo sábado de cada mês e na Comunidade Sagrada Família no bairro Taquaril, onde as pessoas mais carentes passaram a ter acesso à literatura.

Serviço: 
Projeto “Santa leitura”
Data: 21 de agosto (domingo)
Horário: 10h
Local: Praça Duque de Caxias, Santa Tereza – Belo Horizonte – MG (Cruzamento Rua Mármore, Rua Estrela do Sul e Rua Tenente Vitorino)
 Contatos: Estella Cruzmel
E-mail: projetoleituranapraca@gmail.com
Facebook: facebook.com/Leitura

domingo, 17 de julho de 2016

Um Antônio Modesto



por Fernando Moura Peixoto*

“Não existe acaso.” [“Il n’y a pas de hasard.”]
- VOLTAIRE (1694 – 1778), ‘Zadig’.

Este foi o Antônio Modesto, revisor e tradutor, como se apresentou, modestamente, com certo acento mineiro, e a quem ofertei duas fotografias de minha autoria – uma da imagem do Cristo Redentor no alto do Corcovado e outra da enseada da Praia de Botafogo, vista do terraço do Botafogo Praia Shopping –, ambas assinadas.

O casual encontro deu-se na lanchonete do supermercado Pão de Açúcar, da Rua Voluntários da Pátria, no anoitecer de 5 de julho, uma terça-feira, quando me disse que ia visitar as filhas. Encetamos longa e interessante conversa, enquanto ele saboreava uma cerveja long neck’, à temperatura ambiente – ou seja, ao natural –, e eu tomava café.

Percebeu detalhes em minhas fotografias que eu mesmo jamais notara. E ainda dissertou sobre a chegada de Charles Darwin (1809 – 1882) ao Rio de Janeiro, quando o naturalista britânico encantou-se ante a visão da paisagem da Baía de Guanabara, em abril de 1832, a bordo do H.M.S. Beagle. Que aprendizado ouvir aquele senhor que conhecera há poucos minutos.

Era modesto mesmo, se tivesse dito quem realmente era, ficaria sabendo que já tinha votado nele, em 15 de novembro de 1978, quando foi o deputado federal de esquerda mais sufragado no Rio de Janeiro – 73.680 votos –, candidato recomendado por Chico Buarque de Hollanda (1944).
  
Sem óculos, e de cabelos grisalhos, não deu para reconhecê-lo. Mas existe uma esperança de reencontrá-lo: o Dr. Antônio Modesto da Silveira (1927), jurista renomado, um campeão na luta pelos direitos humanos – o advogado que mais defendeu perseguidos políticos no Brasil à época da ditadura militar –, pediu o número de meu telefone.

Disse-lhe que só ligasse depois do meio-dia: durmo muito tarde. Reconheço que dormi no ponto’ em não bater uma foto na ocasião, mas acabei escrevendo uma crônica mais ou menos histórica sobre um assunto nada modesto.

Elogios ao Doutor Modesto

“Prezado Fernando. Tudo a seu tempo e hora, vale o registro. Modesto abraço.” ABILIO FERNANDES, escritor e humorista, 6.7.16, Rio de Janeiro, RJ

“Que bacana! E ele já tem 89 anos! E é mineiro :) Vou torcer para que ele lhe telefone...” JUSSARA NEVES REZENDE, escritora e literata, 7.7.16, Machado, MG.

“Prezado Fernando. É o Modesto da Silveira sim. Foi deputado muito atuante. Combateu a ditadura. Foi candidato então recomendado pelo Chico Buarque. Abraços.” AFONSO ABELHEIRA, advogado, 7.7.16, Rio de Janeiro, RJ.

“Grato, estimado jornalista Fernando Moura Peixoto, pela sua crônica sobre Antônio Modesto da Silveira.
Há muitas pessoas importantes que passam despercebidas, visto que possuem também a virtude da humildade e da modéstia, aliás,

como se encontra também no nome desse homenageado.
Parabéns pela sua tendência de valorizar a memória de pessoas e instituições. Abraços.” HELIO BEGLIOMINI, médico, literato e acadêmico, 12.7.16, Tremembé, SP.


“Fernando, o senhor Antônio não é uma pessoa ‘comum’. Tem nome público. Penso que vai ser possível encontrá-lo. É uma questão de tempo. Aguarde!” MARIA JOSÉ DOS SANTOS PEIXOTO, assistente social, 12.7.16, Rio de Janeiro, RJ.

“Concordo com Voltaire. Atesto que não existe acaso. Teu casual encontro com Modesto já estava escrito nas estrelas. Antônio Modesto, político honrado e honesto. Homem que participou de vários manifestos e que teve relevante voz de protesto durante o período da ditadura militar.
Importante teres transformado em crônica o informal bate-papo. Insisto em dizer que desta forma e de alguma forma reverenciaste o Modesto. Belo gesto!
De resto, só me resta te parabenizar pelo excelente texto. Um grande abraço.” LÚCIA SENNA, escritora e cantora, 12.7.16, Rio de Janeiro, RJ.

“Caro Fernando, excelente crônica. Fica claro que o talento sempre habita pessoas modestas. Parabéns por trazer a público essa história gentil e poética.”  MARIA INÊS GALVÃO, jornalista e escritora, 13.7.16, Rio de Janeiro, RJ

“Fernando. Encontros como esse valem a vida! Eu também fui eleitora do aguerrido Modesto da Silveira.
Que bom saber que ele está vivo e bem de saúde. Abraços.” PATRÍCIA SANTORO, médica, 13.7.16, Rio de Janeiro, RJ.

“Modéstia à parte, a comemoração dos 90 anos de vida do modesto Antônio, em 23 de janeiro de 2017, não pode nem deve ser modesta!” J. PRAIANO, humorista, 13.7.16, Rio de Janeiro, RJ.
  
Foto: Internet

Saiba mais sobre o Dr. Modesto da Silveira assistindo sua entrevista em vídeo produzido pela Rio TV Câmara em 27/12/2012.


*Fernando Peixoto é um dos co-autores de Nós da Poesia. Participou com texto e foto em homenagem a Carlos Drummond de Andrade, do último livro, volume 5 da antologia - Nós da Poesia con Nosotros



quinta-feira, 14 de julho de 2016

XII Encuentro Internacional de Poesía. Del 26 octubre al 5 de noviembre 2016

  Description: Description: Description: Description: Description: Description: Description: cid:image002.jpg@01D0FFA5.85BA7320Description: Description: Description: Description: Description: Description: Description: s  Description: Description: Description: Description: Description: Description: Description: cid:image003.jpg@01D0FFA5.85BA7320     Description: Description: Description: Description: Description: Description: Description: cid:image009.jpg@01D0FFA5.85BA7320      Description: Description: Description: Description: Description: Description: Description: http://poetasdelmundo.com/img/eventos_43.jpg  Description: Description: Description: Description: Description: http://poetasdelmundo.com/img/eventos_44.png  Description: Description: Description: Description: Description: http://poetasdelmundo.com/img/eventos_47.jpg

TRAS LAS HUELLAS DEL POETA 2016
XII Encuentro Internacional de Poesía. Del 26 octubre al 5 de noviembre 2016

Description: http://poetasdelmundo.com/img/eventos_47.jpgCHILE-Santiago: Año tras año, desde que se iniciara este evento internacional de poesía en octubre 2005 y que fuese también el inicio de una ambicioso proyecto que consistía en unir a todos los poetas del mundo que tienen como lema la defensa de la vida y del planeta, cada año, y siempre en el mes de octubre, poetas de diferentes regiones del orbe han llegado hasta Chile  participando en el emblemático encuentro “Tras las Huellas del Poeta”.
Poetas del Mundo cumplirá 11 años desde su nacimiento el 14 de octubre 2005, lo celebraremos en la tierra de Pablo Neruda, Gabriela Mistral, Vicente Huidobro, Oscar Castro, en la tumba de cada uno de ellos entregaremos el mensaje de paz que los poetas del mundo hemos llevado a través del planeta, y siempre acompañados de los vates que nos dejaron un legado valioso en nuestra lucha por la vida.
Este año, el centro neurálgico de nuestro encuentro será le ciudad de Melipilla, desde allí saldremos a recorrer los diferentes sitios donde llevaremos nuestra poesía de amor, de paz y siempre en defensa de nuestro amenazado planeta.


FUNDAMENTOS: Manifiesto Universal de Poetas del Mundo

Programa

Miércoles  26 de octubre (1° día)
Llegada, acreditación e instalación hotel
17:00 – 18:00 Visita a la Casa–Museo “La Chascona”. Casa en Santiago que perteneció a Pablo Neruda. 
21:30: Cena de bienvenida.
                                                               
Jueves 27 (2° día)
Mañana libre (momento para descansar del viaje o para ir a cambiar dinero a las casas de cambio)
13:00 Almuerzo
15:00-17:00 Encuentro con los estudiantes del Instituto Nacional. Santiago.
20:00 Cena

Viernes  28 de Octubre (3º día)
09:00= Salida a Rancagua y San Fernando: Visitas, tertulias, presentaciones en sitios diversos.
Mañana presentación en Rancagua con poetas locales y la Fundación Oscar Castro.
13:00= Almuerzo en Rancagua.
16:00= Acto público en plazoleta de San Fernando
17:00 – 18:00 = Visita y encuentro con escritores en la biblioteca de San Fernando
18:00 – 18:30 = Recepción ofrecida por la biblioteca de San Fernando.
21:00= Cena en Santiago.

Sábado 29 de Octubre (4º día)
09:00= Salida a Isla Negra.
11:00= Visita de la casa museo del poeta Pablo Neruda
13:00= Almuerzo en Cartagena
15:00= Lectura de poemas ante la tumba de Vicente Huidobro en Cartagena.
16:00= Visita y recepción en "El Mundo de los Poetas".
18:00 – 21:00= Evento poético – cultural y cena en la ciudad de Melipilla.
21:00 = salida hacia Santiago.

Domingo 30 de Octubre (5° día)
09:00= Salida a Valparaíso
11:00= Visita a casa-museo “La Sebastiana” de Pablo Neruda
12:00= Lectura de poesía en la Plaza de los Poetas de Valparaíso.
13:00= Almuerzo en Valparaíso
15:00 a 16:00= Visita al puerto de Valparaíso.
17:00= Intercambios poéticos con poetas y escritores de Viña del Mar en el Castillo Gustavo Wulff.

Lunes 31 de Octubre (6° día)
09:00= Salida a la comuna de María Pinto,
10:00 – 12:00= Visita a colegio de María Pinto.
12:15 – 13:30= Lectura en la municipalidad de María Pinto.
14:00= Almuerzo en María Pinto.
16:00= Regreso a Santiago.
19:00= Evento en la comuna de Huechuraba
Cena en Huechuraba.

Martes 1 de Noviembre (7° día)
09:00= Salida a Coquimbo
12:30 – 14:00= Almuerzo en Los Vilos.
17:00= Llegada e instalación en hotel de Coquimbo.
18:00 – 20:00= Paseo por avenida del Mar y visita de La Serena.
20:00= Tertulia poética en La Serena – Cena.

Miércoles 2 de Noviembre (8° día)
08:30 Salida a Valle Elqui por todo el día. Visita a la ciudad de Vicuña
Visita a Museo de Gabriela Mistral y lecturas de poesía.
Visita escuela de Montegrande, Mausoleo y lectura de poesía.
20:00 = Cena en Coquimbo.

Jueves 3 de Noviembre [9° día]
09:00 – 10:00= Visita al fuerte de Coquimbo.
10:00= Salida desde Coquimbo a Los Vilos.
12:00 Encuentro con pescadores artesanales. Almuerzo en Puerto Oscuro.
18:00: Acto en la “Plaza Poetas del Mundo” con autoridades, escritores, poetas, y la comunidad.
20:00: Cena.

Viernes 4 de Noviembre [10° día]
Visita al Choapa (Illapel y Canela)

Sábado 5 de Noviembrebre [11° día]
08:00 Desayuno con pescadores artesanales de Los Vilos
Visita en área de manejo. Almuerzo preparado por los pescadores.
18:00 Acto de Clausura en Los Vilos.

Domingo 5 de Noviembre [12° día]
09:00= Desayuno:
10:00= Regreso a Santiago llegando a las 13:00 Hrs.
13:00 – 14:00= Almuerzo en Santiago.
Los poetas regresan a sus países respectivos países.
Los poetas que decidan quedarse más tiempo en Chile, se le reserva el hotel, pero ya corre por cuenta del participante.

FORMULARIO DE INSCRIPCIÓN [Llenar y enviar] 
Nombre completo:
Nacionalidad:
Dirección Postal en su lugar de residencia:
Teléfono:
Correo electrónico:
¿Presentará una ponencia? (Máximo 15 minutos)
Título y resumen de la Ponencia:
¿Presentará un libro?  (Máximo 10 minutos)
Título del libro:
(Adjuntar detalles del libro y breve reseña)
¿Es poeta del mundo?
En caso afirmativo ¿Cuál es su ID?:
En caso negativo, desea unirse a nuestro movimiento?
Tipo de habitación: SIMPLE (u$d 850) _____ DOBLE (u$d 720) _____

NOTA: Enviar 5 poemas de su autoría, una síntesis biográfica y una fotografía digital reciente.
**Observaciones (particularidades individuales que nos ayuden a la óptima atención de cada participante).


PAGO DE LA INSCRIPCIÓN DE 300 USD + 20 USD POR GASTOS DEL ENVÍO DEL DINERO.
Este pago es un adelanto por el total del costo, es decir, se te descontarán 300 USD. (Este pago no es reembolsable)
 Description: https://www.paypalobjects.com/es_XC/i/scr/pixel.gif


segunda-feira, 11 de julho de 2016

Nós da Poesia participa esta semana do projeto Mina de Cultura em Nova Lima

Nesta terça tem Nós da Poesia em Nova Lima no Projeto Mina da Cultura, coordenado pela escritora Else Lopes, uma das autoras do coletivo Nós da Poesia. Participe! A antologia Nós da Poesia con Nosotros foi organizada pelo Instituto Imersão Latina e reúne poetas ativistas do Brasil, de Portugal, Uruguai e Argentina.

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Nós da Poesia estréia Canal no Youtube em dia de Feira de Poesia



Estreia hoje o canal no youtube do Nós da Poesia. Toda semana postaremos um novo vídeo. Acompanhem! E hoje à noite (de 19h às 22h) tem sarau no Centro Cultural Padre Eustáquio. Não vai perder né? É uma singela homenagem a poetisa Maria Clara Segóbia porBilá Bernardes Maria Angélica e Rogério Salgado. O vídeo foi produzido por Brenda Marques Pena, com edição de Beto Ferris. Nós da Poesia é um coletivo de poetas ativistas, que é um dos projetos do Instituto Imersão Latina, criado por poetas da Paz e da Poesia, um movimento que reúne poetas de vários gêneros e idades em Belo Horizonte. Cláudio Márcio BarbosaClevane Pessoa são idealizadores dessa ação, junto com Bilá, Brenda Marques Pena, Iara Abreu, Ângela Angela Togeiro Togeiro. Já passaram por este projeto mais de 100 poetas de vários países. Confira também nosso blog: http://nosdapoesia.blogspot.com

Nesta quinta 30/06 tem Nós da Poesia na Feira de Poesia do Centro Cultural do Padre Eustáquio de 19h às 22h. Participem e compartilhem!
____________________________________
CENTRO CULTURAL PADRE EUSTÁQUIO
Rua Jacutinga, 821 - Padre Eustáquio...
Ver mais

sábado, 25 de junho de 2016

Feira de Poesia / Especial Nós da Poesia nesta quinta-feira

Nesta quinta 30/06 tem Nós da Poesia na Feira de Poesia do Centro Cultural do Padre Eustáquio de 19h às 22h. Participem e compartilhem!
____________________________________
CENTRO CULTURAL PADRE EUSTÁQUIO
Rua Jacutinga, 821 - Padre Eustáquio
3277-8394 / 3277-7269
http://www.bhfazcultura.pbh.gov.br/?q=ccpe_painel
facebook.com/CentroCulturalPadreEustaquio

Faremos leituras poéticas lo livro Nós da Poesia con Nosotros, A  edição começou com o Concurso Literário Nós da Poesia, cujo tema era “o açúcar do vizinho”. Três poetas se  destacaram com suas obras: a argentina Gladys Lópes  Pianesi, com “Hermanos, azúcares del vecino” (1o lugar), a uruguaia Eli Rodriguez, com “La piedra y el azúcar” (2o lugar) e o brasileiro Ely Manoel, com o poema “Mais Lenha” (3o lugar).

Também exibiremos vídeo em homenagem a poeta Maria Clara Segóbia com a participação dos poetas Rogério Salgado, Bilá Bernardes e Brenda Marques.

Autores: Andrea Guerra Silva, Antônio Montes, Avelin Rosana (Buniacá Kambiwá), Brenda Marques Pena, Cláudia Gonçalves, Cristina Montero, Eli Rodriguez, Ely Manoel, Else Lopes, Ênio Poeta, Estella Cruzmel, Fernando Moura Peixoto, Helenice Rocha, France Gripp, Gladys Lopes Pianesi, José Hilton Rosa, José Luis Machado Santana, Marcelo de Oliveira Souza, María Senatore, Raimon Alves,
Regina Mello, Rosângela Ferris, Sandra Blanco, Vicente Ferrer e Zé Abreu.

A Ilustração de capa e poemas ilustrados da série Aspectos Urbanos são de Iara Abreu
Arte final da capa e diagramação: Beto Ferris

Comissão Editorial
Brenda Marques
Rosângela Ferris
Vicente Ferrer
Antônio Montes

Impressão: All Print Editora

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Lançamento de Nós da Poesia con Nosotros vai ser neste sábado na Bienal do Livro de Minas com sarau poético-musical


No próximo sábado 23 de abril às 19 horas, na Bienal do Livro de Minas (estande da All Print), faremos o sarau de lançamento do livro Nós da Poesia con Nosotros, quinto volume de uma série de antologias organizada pelo Instituto Imersão Latina. 

Nós da Poesia é um banquete coletivo para que se saboreie cada dose, cada pedaço de escritura como um bolo que traz certas lembranças e desperta novos sentidos.

A temática surgiu como um convite contra a individualidade e para romper as barreiras que colocamos no contato com o outro. No Brasil, por exemplo, muitas vezes desconhecemos a cultura dos nossos países vizinhos e também de povos que fazem parte da nossa cultura, simplesmente por ficarmos
alheios e assim a vida fica sem sabor.

A edição começou com o Concurso Literário Nós da Poesia, cujo tema era “o açúcar do vizinho”. Três poetas se  destacaram com suas obras: a argentina Gladys Lópes  Pianesi, com “Hermanos, azúcares del vecino” (1o lugar), a uruguaia Eli Rodriguez, com “La piedra y el azúcar” (2o lugar) e o brasileiro Ely Manoel, com o poema “Mais Lenha” (3o lugar).

Autores: Andrea Guerra Silva, Antônio Montes, Avelin Rosana (Buniacá Kambiwá), Brenda Marques Pena, Cláudia Gonçalves, Cristina Montero, Eli Rodriguez, Ely Manoel, Else Lopes, Ênio Poeta, Estella Cruzmel, Fernando Moura Peixoto, Helenice Rocha, France Gripp, Gladys Lopes Pianesi, José Hilton Rosa, José Luis Machado Santana, Marcelo de Oliveira Souza, María Senatore, Raimon Alves,
Regina Mello, Rosângela Ferris, Sandra Blanco, Vicente Ferrer e Zé Abreu.

A Ilustração de capa e poemas ilustrados da série Aspectos Urbanos são de Iara Abreu
Arte final da capa e diagramação: Beto Ferris

Comissão Editorial
Brenda Marques
Rosângela Ferris
Vicente Ferrer
Antônio Montes

Impressão: All Print Editora


Confira o evento no nosso facebook.com/nosdapoesia, confirme presença, compartilhe!

https://www.facebook.com/events/1060303144040513/